Duelos Improváveis
- Liam vs Noah -

10.5.17


Dentro de poucos dias serão revelados os nomes mais registados nos EUA ao longo do ano de 2016. O ranking norte-americano não parece ter influência directa nas escolhas portuguesas, ainda que seja possível perceber que há tendências que começam por lá e que, aos poucos, começam a ouvir-se por cá. Hoje vou aproveitar o momento para opor os dois nomes masculinos mais registados em 2015 nos Estados Unidos, já que ambos são aprovados em Portugal. Falo-vos de Liam & Noah

Liam está relacionado com William - outro nome estrangeiro que é um velho conhecido da sociedade portuguesa e que, mesmo não sendo elegível pelos cidadãos portugueses para os seus filhos, é uma presença constante no nosso top 100. Mas voltemos a Liam, que me parece muito mais moderno do que William, está em alta em vários países europeus e está fazer uma escalada considerável no nosso ranking, passando de quatro registos em 2011 para 29 em 2016, o que lhe permitiu ficar às portas do top 100, na 101.ª posição, para ser exacta. 

Quanto a Noah, já é um habitué do blog, não só pela presença na lista de nomes masculinos mais registados em Portugal desde 2011, mas também porque a sua delicadeza e invulgaridade costumam suscitar reacções muito apaixonadas [quase tão apaixonadas quanto o debate sobre a forma "correcta" de o pronunciar...]

Para finalizar, deixem-me só que diga que este duelo nem é assim tão improvável, porque feitas as contas, dos 100 nomes mais registados nos EUA em 2015, 64 também foram registados em Portugal em 2016, somando 4673 registos. Claro que, para isto, muito contribui o número de registos dos internacionais Gabriel, Lucas, David, Daniel, Isaac, Xavier e Samuel mas, mesmo assim, não é uma realidade assim tão distante!

Liam ou Noah, qual é o vosso preferido? Não se esqueçam de votar!

Resultado da sondagem



4 comentários :

  1. E agora? Não consigo escolher. Os dois estão empatados. Gosto de ambos. Lol

    ResponderEliminar
  2. Para mim também estão empatados os dois nomes: são ambos horríveis, se se derem a pessoas falantes nativas de português, habitantes de países em que se fala português. Se são bonitos ou feios aos ouvidos de falantes nativos do inglês, só se saberá se se lhes perguntar.

    ResponderEliminar
  3. Entre os dois prefiro Liam, embora também aprecie Noah. Para crianças a crescer em Portugal talvez Noé,Noel.Tanto William como Liam me soam muito a nome estrangeiro, não estou a imaginar um pequenito a responder à chamada com esse som "iam"

    ResponderEliminar
  4. Também acho horrendos.

    ResponderEliminar

Com tantos nomes à escolha, vai mesmo ser apenas Anónimo? :)